O potencial de reciclagem vai muito além dos produtos de consumo, com muitas construções novas hoje sendo feitas quase que totalmente de materiais e embalagens readaptadas

Lixo. Este é um dos maiores problemas do nosso tempo, com pessoas em todas as partes do mundo pensando cada vez mais no destino final de produtos e materiais. Isso porque, seja um saco plástico, um celular velho ou uma garrafa de cerveja, as coisas do cotidiano que jogamos fora podem ter um impacto negativo sobre o meio ambiente.

Nessa era da consciência ecológica, a reciclagem se tornou uma das maiores prioridades dos consumidores e das empresas. Na verdade, muitas empresas e organizações estão modificando materiais de maneiras ousadas e criativas – usando produtos recicláveis em projetos de construção ambiciosos que causam um impacto positivo para as pessoas e as comunidades, e também reforçam suas credenciais de sustentabilidade.

Afinal, que maneira melhor há para destacar o potencial dos resíduos reciclados do que usá-los na criação de lugares sustentáveis, onde podemos viver e trabalhar?

Não ao desperdício, não à escassez

This image has an empty alt attribute; its file name is image.png

Na Coreia do Sul, o Naju Art Museum reciclou de uma maneira muito criativa 1.500 cestos plásticos semitransparentes, que foram transformados numa impressionante fachada de um prédio. Feitos de plástico leve e flexível, os cestos difundem a luz implacável que entra no prédio, criando uma ecológica e eficiente barreira ao sol – tudo isso ao mesmo tempo em que ajuda a manter a reputação artística do museu.

This image has an empty alt attribute; its file name is image-1.png
Image © Starbucks

Desde que inaugurou sua primeira loja, feita de velhos contêineres marítimos, a rede de cafés Starbucks passou a ter 45 lojas conceituais parecidas espalhados pelos Estados Unidos. Sua primeira instalação drive-thru em Tukwila, Washington, foi feita com quatro contêineres marítimos e projetada de acordo com os padrões de certificação LEED, de modo que ela não só usa materiais recuperados como economiza energia e água.

This image has an empty alt attribute; its file name is image-2.png

Levando a música ‘99-bottles-of-beer-on-the-wall’  (‘99-garrafas-de cerveja-na-parede’) a um novo patamar, os monges budistas da Tailândia erguerem o templo Wat Pa Maha Chedi Kaew com 1,5 milhão de garrafas de cerveja. O que começou como um simples exercício de limpeza de lixo, tornou-se uma iniciativa que durou dois anos e envolveu toda a província, em que as pessoas doaram garrafas para formar a estrutura resplandecente de um dos mais extraordinários templos do mundo.

O lançamento do hotel mais precário do mundo pode parecer uma ambição incomum, mas foi exatamente isso que aconteceu quando o Corona Save the Beach Hotel abriu suas portas. Esse hotel de armar de três quartos em Roma, foi erguido com 12 toneladas de lixo recolhido de praias europeias e foi projetado para chamar atenção para o problema crescente do lixo oceânico. Os materiais de construção incluem latas, peças de automóveis e já teve hóspedes famosos como a top model Helena Christensen.

Do cartão à cantina

Inspirada no potencial da reciclagem, a SIG uniu-se a várias organizações da Tailândia para criar uma inovadora ‘cantina ecológica’ escolar. Feita de mais de 1,4 milhão de embalagens cartonadas usadas, ela foi inaugurada recentemente na escola primária de Nikomsangtoneang, próxima da unidade de produção da SIG em Rayong. O teto e as paredes foram feitos de alumínio e polímeros recolhidos das embalagens da SIG, e até mesmo as mesas e cadeiras foram feitas e embalagens cartonadas recicladas.

“A cantina ecológica é uma grande maneira de dar vida à reciclagem, mostrando às crianças – e seus pais – o que acontece às embalagens cartonadas depois que elas bebem o seu leite”, diz Chatramon Intason, diretor da escola Nikomsangtoneang Rayong 10. “Ajudar as crianças a entender como a reciclagem pode ajudar o meio ambiente é algo realmente importante porque elas são os consumidores de amanhã.”

A cantina ecológica da SIG mostra o potencial das embalagens recicladas e é um testamento à maneira como as empresas e comunidades podem trabalhar juntas para transformar o lixo em valor.

This image has an empty alt attribute; its file name is Eco-canteen-2-2-1024x683.jpg
This image has an empty alt attribute; its file name is Eco-canteen-1-3-1024x683.jpg

Quer saber mais sobre o potencial de reciclagem da SIG? Contate-nos agora ou leia mais sobre nossa estratégia WAY BEYOND GOOD. E para mais informações sobre o setor, assine nossa newsletter mensal.

SIGnals

Postado por SIGnals

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *