O plástico é o material milagroso que transformou a vida moderna. Ele é o tecido flexível do nosso tempo, encontrado em todo lugar, de embalagens a aviões. No mundo inteiro dependemos dele. Mas agora corremos o risco de nos afogar nele, uma vez que mais de oito milhões de toneladas de plásticos são despejados nos oceanos todos os anos. É uma realidade alarmante que desencadeou uma reação global contra o plástico e deixa muitos se perguntando se o plástico poderá se tornar uma coisa do passado.

Repensando a reciclagem

O lixo plástico é um problema bastante visível que está chamando a atenção do mundo. Os consumidores estão se manifestando e exigindo ação de governos, organizações e comunidades. Embora muitos tipos de plástico sejam viáveis para a reciclagem, acredita-se que apenas 9% dos plásticos produzidos no mundo são hoje reciclados, o que significa que há um trabalho a ser feito para tornar os sistemas de reciclagem mais acessíveis e eficientes.

Uma questão muito importante é como instigar e incentivar os consumidores. Além de produzir embalagens cartonadas totalmente recicláveis, a SIG está empenhada em aumentar a reciclagem de todas as embalagens, incluindo as plásticas. Na cidade de Curitiba, por exemplo, a SIG faz parte de uma iniciativa criativa com a iniciativa social SO+MA House, que oferece recompensas pela reciclagem.

As pessoas simplesmente trocam embalagens descartadas por pontos de recompensa que elas podem usar para comprar alimentos e outros bens essenciais. Com mais iniciativas como essa, podemos todos apoiar uma infraestrutura maior de reciclagem e ajudar a reduzir o lixo plástico.

Melhorando os plásticos

A reciclagem pode ser eficiente no futuro, mas um ponto delicado hoje é que 30% dos plásticos não podem ser reciclados. Muitos pedem a proibição total dos plásticos, enquanto outros buscam na inovação uma solução para o problema. Como resultado disso, mais e mais empresas estão recorrendo aos plásticos biológicos – reinventado os plásticos para torná-los mais renováveis, recicláveis e biodegradáveis.

Muitas alternativas usam o amido ou proteínas de plantas como a cana de açúcar para gerar os hidrocarbonetos básicos necessários para criar os plásticos. A SIG usa um processo parecido em sua SIGNATURE PACK – uma estrutura de papel cartão que é 100% atrelada a matérias-primas renováveis à base de plantas e tornada possível via balanço de massa.

Para produzir os plásticos usados na SIGNATURE PACK, um biomaterial à base de plantas é usado como matéria-prima renovável, em vez de recursos fósseis. Esse material é a resina líquida (tal oil), um subproduto da fabricação de papel; um material residual e não uma cultura agrícola, que exige terras e recursos para o cultivo. Com soluções biológicas como essas, uma nova era de plásticos ‘do bem’ está no horizonte.

Um futuro sem plásticos

Para os consumidores, imaginar um futuro sem plásticos pode parecer fácil, mas concretizar essa visão exige que as marcas ofereçam alternativas amplas. Segundo uma pesquisa da Kantar, 42% dos consumidores acham que os fabricantes deveriam priorizar a fabricação de embalagens totalmente recicláveis, enquanto 21% acham que o setor deveria trabalhar visando embalagens totalmente livres de plásticos. E esses números devem aumentar.

Muitas marcas que utilizam plásticos de uso único em suas embalagens estão em busca de todo tipo de alternativas. Além de plásticos biológicos, elas incluem embalagens feitas de cogumelos, algas e folhas de palmeiras, assim como almofadas infláveis feitas de materiais recicláveis.

O papel cartão feito da madeira é outra opção natural e renovável. Ele é o principal material das embalagens cartonadas da SIG, que são certificadas pelo Forest Stewardship CouncilTM  (FSCTM, código de licença de marca: FSCTM C020428), são recicláveis e compatíveis com qualquer sistema de descarte ou reciclagem.

Com opções de embalagem como essas, que reduzem e substituem a utilização dos plásticos de uso único, as marcas estarão bem posicionadas para prosperar num mundo livre do plástico.

Quer saber mais sobre embalagens renováveis e recicláveis com a SIG? Entre em contato para se informar sobre nosso compromisso com produtos responsáveis que minimizam seu impacto sobre o meio ambiente.

E para mais artigos sobre os plásticos e a sustentabilidade, assine a SIGnals Update, nossa exclusiva newsletter quinzenal. Assine já para receber diretamente em sua caixa de entrada, as últimas notícias e artigos sobre o setor.



SIGnals

Postado por SIGnals

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *